quarta-feira, 17 de maio de 2006

I Wish A Was A Punk Rocker

Sandi Thom

Ontem, no meu regresso a casa, fui brindado pela Antena 3 com o single de estreia da Sandi Thom, uma cantora escocesa de 24 anos que, numa última tentativa de embarcar numa carreira musical, realizou uma série de “concertos ao vivo” directamente da sua cave em Londres através de uma webcam. Resultado: de uma audiência inicial de 60 pessoas, estima-se que, ao fim de duas semanas de “emissões”, mais de cem mil pessoas estariam a assistir aos “concertos”. Consegue-se entender melhor a dimensão da audiência se olharmos para o facto de que o novo estádio de Wembley leva “apenas” noventa mil pessoas. A grande surpresa foi que ao fim de duas semanas, durante mais um dos seus concertos em directo, apareceu o representante de uma editora, e foi ali, na hora, que lhe foi proposto um contrato, o qual foi assinado.

O single de lançamento chama-se “I Wish A Was a Punk Rocker (With Flowers In My Head)”, uma música praticamente cantada a capella, com alguma percussão. Uma música que tem algum misto de ironia com crítica, onde se compara a sociedade actual com a sociedade da altura do “Flower Power”. Interessante foi que, assim que comecei a ouvir a música, esta tinha algo que me fazia lembrar Janis Joplin e o seu famoso "Mercedes-Benz"

A Sandi Thom demonstra em "I Wish Was a Punk Rocker..." ser detentora de uma voz poderosa e bastante dinâmica, que prende rapidamente a atenção dos ouvintes. Trata-se de uma cantora digna de nota e que merece alguma atenção. Só falta ver o que virá no seu disco de estreia.

Pelo menos, para já, parece que promete.

Sem comentários: