sexta-feira, 27 de março de 2009

Adeus Tânia


A comunidade portuguesa de Bookcrossing desde o final de ano passado que andou a seguir bem de perto a saúde da Tânia - a Snowshoee, como era conhecida pelos bookcrossers. Esta preocupação acabaria por estender-se à comunidade internacional, de onde vieram as mais diversas manifestações de carinho.

A Tânia sofria de uma miocardiopatia dilatada que obrigou ao seu internamento, um internamento prolongado e durante o qual a sua saúde continuou a deteriorar, apesar de todos os esforços médicos. O transplante cardíaco tornou-se imperativo mas, infelizmente, o coração teimava em não aparecer. E não apareceu...

Foi ainda tentada uma intervenção para tentar apoiar o seu coração cada vez mais debilitado, mas infelizmente adveio um AVC que praticamente quebrou as últimas esperanças. A Tânia iniciava a sua última caminhada. Uma caminhada que terminou hoje.

Tive a oportunidade de falar com ela, de conhecer a sua força de vontade. Tive a oportunidade de conversar sobre o meu pai, quem também sofreu do mesmo problema cardíaco. Tive a felicidade de ser tocado pela sua simpatia.

Estou sensibilizado com as mensagens de apoio e carinho que a comunidade Bookcrossing, à qual pertenço, dirigiu à Tânia, à família, aos amigos e ao namorado. A preocupação em saber como ela se encontrava, o querer saber da evolução do seu estado, a onda de pensamento positivo que foi dinamizada na esperança que o coração que tanto a Tânia precisava aparecesse, tudo foram manifestações de um carinho às quais era impossível ficar indiferente. Foi criado um blog para permitir um melhor acompanhamento do estado de saúde da Tânia e onde todos os dias eram colocadas inúmeras mensagens de apoio e carinho dirigidas não só à Tânia mas a todos quanto a rodeavam.

Hoje, a Tânia colocou postumamente o seu último post. Uma mensagem que tinha escrito caso não conseguisse ultrapassar a doença. Uma mensagem à qual não consegui ficar indiferente.

«Aproveitem a vida, a felicidade não existe, existem os momentos felizes… e esses… bem, respirem, cheirem, sintam, fotografem, enfim, não os percam nem esqueçam.»

Adeus Snow. Nunca te esqueceremos.

Sem comentários: