quarta-feira, 1 de abril de 2009

Diz-se

«No presente, nem Portas nem sobretudo Ferreira Leite pegam nessa bandeira. Para a líder do PSD, o tema era uma excelente oportunidade para criticar o Governo, falar ao coração do centro-direita e ao mesmo tempo solidificar a sua imagem de autoridade. Não o fez e apenas podemos especular porquê. Será que o PSD não considera grave o aumento do crime? Será que o PSD não vê aí uma possibilidade de ganhar votos? Ou será que o PSD é demasiado 'elitista e liberal' para sujar as mãos com discursos 'populistas'? Não faço ideia. A minha única conclusão é que o grande partido do centro-direita português, que aspira a ganhar as eleições, não levanta essa bandeira. Enquanto no país cresce o ‘killer instinct’ real, no PSD morre o ‘killer instinct’ político.»

Domingos Amaral, in Correio da Manhã

Sem comentários: